Page 1 of 1

Belas e monstros

Posted: 04 Dec 2008 15:59
by White Rabbit
Direitinho da toca do coelho:

Um dos maiores mitos que nos inculcaram desde pequenos é o do monstro que não consegue resistir aos encantos da bela, e não me refiro unicamente à história propriamente dita, mas também às inúmeras variações que teve e tem, como o King Kong que mesmo sendo uma besta de todo o tamanho acaba rendido a uma loira, mas pronto, basicamente a história reza que há sempre um bicharoco muito mau que se comove ante uma beldade que lhe toca o coração e o faz derreter por dentro mal os seus olhares se encontram, e por mais versões que se façam da história há sempre um denominador comum, que é o facto de a donzela em causa ter tanto de bela como de boa, boa no sentido de bondosa e não de boazona, e isso é mesmo conversa de contos de fadas porque na realidade ou se é boazinha ou boazona, são virtudes incompatíveis, e se virmos bem as coisas para que é que as boazonas precisam de ser boazinhas, têm tudo o que querem à mesma, há sempre um monstro que se deixa embevecer por elas, enquanto que as boazinhas são-no talvez por não terem outra alternativa, se a Cinderela fosse uma estúpida pedante ninguém teria pena dela, imaginemos uma Bela com medo de partir uma unha enquanto limpava a casa ao Monstro, e que dizer de uma Branca de Neve peneirenta sempre a ver-se ao espelho e a troçar constantemente com os anões por serem tão baixinhos, o que me leva a concluir que boazinhas boazonas só mesmo nas histórias da carochinha (outra história de belas e monstros se tivermos em conta as proporções da dita e do João Ratão), já a outra dizia que as raparigas boas vão para o céu e as más para todo o lado, e não me recordo quem é que se gabava de «quando sou boa, sou boa, mas quando sou má sou ainda melhor» — gabo-me de não recorrer a citações mas por vezes a falta de imaginação leva-me a usar as palavras dos outros —, e pergunto-me o que aconteceria se as belas por dentro e monstros por fora tivessem oportunidade de serem más, disseram-me noutro dia que as boazinhas só o são por falta de opções, geralmente são tão monstros que a única maneira de se destacarem é sendo belas por dentro, pelo menos as boazonas são mais honestas, assumem o que são, as boazinhas não passam de um bando de falsas, e assim sendo, fico sem saber ao certo quem é a bela e quem é o monstro…

Re: Belas e monstros

Posted: 04 Dec 2008 16:12
by Pedro Farinha
A minha mãe sempre me disse, casa com uma boazinha e arranja uma amante boazona. Claro que isso é fácil de dizer mas dificil de acontecer, porque se eu fosse bonzinho podia conquistar uma boazinha mas não quereria trai-la, se eu fosse bonzão, faltar-me-ia QI para seguir os bons conselhos e sendo o monstro que sou, as boazinhas e as boazonas fogem a sete pés.

Ah, mas era só para dizer que a citação é da Mae West

Re: Belas e monstros

Posted: 04 Dec 2008 16:33
by White Rabbit
Pedro Farinha wrote:Ah, mas era só para dizer que a citação é da Mae West


Obrigada, mas eu sabia, foi mesmo maldade do coelho... :lol2:

Re: Belas e monstros

Posted: 04 Dec 2008 18:35
by Thanatos
:laugh:

Não sei de que me ri mais: se do texto que está delicioso e vertiginoso como sempre quando se trata do coelhito irrequieto, se da resposta colocada em tom de questão Zen do Pedro. São cá uma dupla! :thumbsup:

Agora vou ter de explicar aos colegas que não me estou a rir das palhaçadas deles. Essas só me dão é mesmo vontade de chorar, porque arrancar os cabelos já não posso.